Taxistas fazem carreata cobrando auxílio emergencial da Prefeitura

                                                                                Foto: Divulgação/AGT

 

Um grupo de taxistas de Salvador vai fazer uma carreata na manhã desta terça-feira, 12, às 9h, cobrando mudanças nas regras de pagamento do auxílio emergencial de R$ 270 para a categoria, como ajuda no combate aos efeitos da pandemia da Covid-19. A carreata vai do Tribunal de Justiça, no Centro Administrativo da Bahia (CAB), até a Prefeitura de Salvador, na Praça Municipal.

De acordo com o presidente da Associação Geral dos Taxistas (AGT) Dênis Paim, que está organizando a carreata, motoristas acima de 60 anos vão receber três parcelas de R$ 270, motoristas entre 40 e 60 anos vão receber uma parcela e motoristas abaixo de 40 anos não recebem o benefício.

“Está muito difícil para quem é taxistas. Se ficamos em casa nós não ganhamos dinheiro e se sairmos para trabalhar podemos morrer. Todos da categoria têm que receber o valor do auxílio”, explica Dênis.

Esta é a terceira carreata dos motoristas de táxi de Salvador promovida pela AGT. A primeira aconteceu no dia 6 de abril e a segunda no dia 20 do mesmo mês, também com objetivo de ampliação do pagamento do auxílio emergencial.

Ainda segundo o presidente da AGT, a categoria está reivindicando para este ano a não necessidade da realização das vistorias anuais e da troca de veículos com mais de 10 anos de uso, exigidos pela Prefeitura.

O Portal A TARDE entrou em contato com a Prefeitura de Salvador, mas ainda não obteve resposta até a publicação desta matéria. As informações são do jornal A Tarde.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.