Trade turístico aposta em recuperação com apoio da Prefeitura

                                                                                    Foto: Valter Pontes/Secom

 

Uma das principais iniciativas promovidas pela Prefeitura para ajudar o setor turístico nesse momento de enfrentamento à Covid-19, o Centro de Recuperação do Turismo (CRT), entregue nesta terça-feira (4), no Hub Salvador, no Comércio, é considerado essencial pelos representantes deste segmento econômico, duramente afetado pelos efeitos do novo coronavírus.

Com as atividades praticamente paralisadas pela falta de visitantes, já que as viagens e passeios são desaconselhados pelas autoridades sanitárias para manter o isolamento social, hotéis, pousadas, agências de viagem e guias de turismo vão ter um suporte para se reinventar e reerguer no chamado “novo normal”.

Para a presidente seccional baiana da Associação Brasileira de Agências de Viagem (Abav-BA), Ângela Carvalho, o CRT é um alento para um setor que gera milhares de empregos na cidade. Ela informou que, desde março, o segmento tem registrado faturamento zero, o que que causou o desligamento de pelo menos 50% dos funcionários. Antes da pandemia, a capital baiana possuía cerca de 400 agências e dois mil trabalhadores.

“Isso aqui é uma excelente iniciativa. As agências estão precisando, muito, de como ministrar e levar adiante o seu negócio. Esta questão também do coworking, de ter um espaço para receber os clientes, é também importante, pois muitas agências não vão ter condições de se manter no lugar onde estão. A expectativa é de que vamos conseguir essa retomada”, pontuou Ângela.

O presidente do Salvador Destination, Roberto Duran, ressaltou que o centro é considerado o início da retomada para o turismo, seguindo o faseamento planejado pela Prefeitura para o setor. “Hoje, está sendo aberto este espaço de recuperação das empresas de turismo, que é fundamental neste momento em que muitos pequenos e médios empresários estão em situação muito difícil.”

Ele complementou que o plano de reabertura das atividades na cidade, feito de forma faseada e responsável, é importante para a imagem da cidade, principalmente junto aos visitantes, apesar da ansiedade dos setores econômicos na retomada. “É essencial que Salvador passe uma imagem de segurança e que o turismo possa voltar com força”, pontuou Duran.

O presidente da Federação Bahiana de Hospedagem e Alimentação (Fehba), Sílvio Pessoa, considerou que o Centro de Recuperação do Turismo é de grande valia para as empresas de viagem, especialmente neste momento de crise financeira. “São ações como essa que começam a alavancar o turismo em nossa cidade. Esperamos ainda a reabertura de bares e restaurantes, porque a gastronomia também é um marco na nossa cidade. Aos poucos, a gente tem que voltar à normalidade e já estamos nos adaptando aos protocolos”, declarou.

Capacitação – Além do espaço físico, a capacitação também é considerada um elemento-chave para o setor turístico, como afirmou o superintendente do Sebrae-BA, Jorge Khoury. “E o nosso papel é de melhorar a qualificação dos hotéis, restaurantes e demais instituições que trabalham com o turismo, para que estejam preparados para servir melhor principalmente neste momento da pandemia, dentro dos protocolos exigidos”, afirmou.

O esforço conjunto é outro elemento importante para a retomada do setor na cidade, como analisou o presidente da Fecomércio-BA, Carlos Andrade – o Senac também será responsável pela capacitação de mão-de-obra no CRT. “Com essas ações, tenho certeza que todos juntos vamos, dentro do possível, fazer um trabalho de multiplicar esforços, porque entendemos que, neste momento de pandemia, esse retorno planejado é muito importante.”

Ele complementou que é necessário buscar o que há de melhor no mercado para desenvolver um bom trabalho. “Entendemos que o turista chegando e encontrando o mercado treinado será muito mais fácil fazer turismo. Também temos que estar atentos ao mundo digital. Sabemos das dificuldades, mas o otimismo deve prevalecer. Ninguém pode ficar parado”, finalizou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.