Setor de serviços lidera oferta de vagas de emprego em Salvador

Foto: Bruno Concha

 

 

Salvador encontra-se numa dinâmica de recuperação econômica, apesar do impacto causado pela segunda onda da pandemia. Com base na última pesquisa do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia, nos últimos oito meses, 21.260 trabalhadores foram contratados com carteira assinada, sendo que deste total, 4.406 ocorreram no mês de agosto.

O setor de serviços continua protagonizando este resultado, sendo responsável no mês de agosto pela criação de 3.294 postos de trabalho. Neste ano, o setor participou com 15.463 empregos, evidenciando as atividades de informação, financeiras, imobiliárias e administrativas.  O setor do comércio vem em segundo lugar nas pesquisas com a criação de 2.792 postos, seguido da construção civil, com 2.218 postos.

No ranking nacional de geração de empregos, no mês de agosto, a capital baiana ocupou a 8ª posição; e o segundo lugar na região Nordeste. Em 2021, Salvador posiciona-se em 9° lugar e entre as capitais nordestinas se mantém na segunda posição.

Por meio do Serviço de Intermediação de Mão de Obra (Simm), da Secretaria Municipal de Desenvolvimento, Emprego e Renda (Semdec), 1.752 trabalhadores entraram no mercado de trabalho este ano. O montante representa um aumento de 191% em relação ao mesmo período do ano anterior, que foi fortemente impactado pela pandemia de Covid-19.

 

 

Faça seu Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *