Salvador lidera geração de empregos entre as capitais do Nordeste

Foto: Jefferson Peixoto/PMS

 

 

Mesmo com a pandemia, Salvador criou 12.275 empregos no período de janeiro a abril deste ano, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), do Ministério da Economia. Os dados do quadrimestre colocam Salvador em primeiro lugar na criação de empregos formais entre as capitais do Nordeste, à frente da segunda colocada Fortaleza, com 7.404 postos criados no mesmo período.

Os números mostram que a capital baiana recuperou os 7.075 empregos perdidos durante todo o ano de 2020 e avançou com 5.200 novos postos criados. Apenas no mês de abril, foram criados 1.658 empregos formais.

O destaque foi para o setor de serviços, com a criação de 9.155 empregos formais, sendo o segmento de Saúde Humana e Serviços Sociais o que mais contribuiu para esse resultado, com a criação de 5.336 postos formais. O cenário reflete a demanda gerada pela pandemia e pela chegada de grandes redes de saúde à capital.

O segundo segmento que mais contribuiu para estes números positivos foi o da Construção Civil, com 2.104 novos postos. Os dados do Caged mostram ainda que a criação de emprego na cidade tem se mantido nos últimos nove meses, período em que surgiram 30 mil novos postos.

A secretária de Desenvolvimento Econômico, Emprego e Renda (Semdec) da Prefeitura de Salvador, Mila Paes, avalia que essa geração de empregos formais dentro de um cenário tão delicado provocado pela Covid-19 é uma mostra de que a cidade está preparada para esse processo de retomada, que já aconteceu em alguns setores e deverá alcançar os demais.

“É muito importante esse desempenho, pois temos uma população que depende muito da economia reaquecida para voltar a se restabelecer. Nesse sentido, saber que temos mais empregos gerados que perdidos durante a pandemia é um alento”, afirma a secretária. Ela ressalta ainda que a Prefeitura vai continuar desenvolvendo ações para fazer com que essa geração de empregos seja contínua e a situação econômica, de fato, avance de forma cada vez mais sólida na capital baiana.

 

 

 

Faça seu Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *