Rui sai em defesa de Pazuello: ‘Medida sensata sobre acesso à vacina’

                                                                             Foto: Fernando Vivas/GOVBA

 

O governador da Bahia, Rui Costa (PT), saiu em defesa do ministro da Saúde, Eduardo Pazuello. O titular da pasta foi repreendido pelo presidente da República, Jair Bolsonaro, após anunciar a compra e 46 milhões de doses da vacina produzida pela empresa chinesa Sinovac, em parceira com o governo de São Paulo, comandado por João Doria (PSDB).

“A VACINA CHINESA DE JOÃO DORIA – Para o meu Governo, qualquer vacina, antes de ser disponibilizada à população, deverá ser COMPROVADA CIENTIFICAMENTE PELO MINISTÉRIO DA SAÚDE e CERTIFICADA PELA ANVISA. Não se justifica um bilionário aporte financeiro num medicamento que sequer ultrapassou sua fase de testagem”, escreveu Bolsonaro, com trechos em maiúsculo.

Por meio do Twitter, Rui disse que Pazuello agiu para garantir o acesso ao fármaco. “General e Ministro da Saúde tomou medida sensata de garantir acesso à vacina de qualquer país p salvar vidas. Estamos em guerra contra Covid, q já matou + de 150 mil no Brasil. O presidente não pode desmoralizá-lo e desautorizá-lo nesta luta. Minha total solidariedade ao ministro”. As informações são do Metro1.

 

Faça seu Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *