Everaldo rebate Teobaldo: “Temos a experiência de cuidar das coisas do povo”

Foto: Divulgação

 

O presidente estadual do PT, Everaldo Anunciação, rebateu ontem as declarações de Teobaldo Costa, empresário e dono da rede de lojas Atakadão Atakarejo, que admitiu que será candidato a prefeito em Lauro de Freitas no ano que vem. No momento, o veterano do mundo dos negócios é o principal adversário da atual prefeita do município, Moema Gramacho (PT). Em entrevista exclusiva à Tribuna ontem, Teobaldo não citou o nome da petista diretamente, mas fez severas críticas aos indicadores sociais da região. “Gosto de caminhar, de bater na porta das pessoas, de ouvir as pessoas e dizer para as pessoas que Lauro de Freitas é a sétima economia do estado da Bahia, é uma cidade com 200 mil habitantes, com orçamento de R$ 558 milhões e tem os piores indicadores sociais da Bahia”, disparou o Teobaldo.

Procurada pela Tribuna, a cúpula estadual do PT discorda frontalmente das afirmações do empresário. “Não concordo, não. As experiências de gestões anteriores tinham focos diferenciados do nosso”, declara o presidente estadual do partido, Everaldo Anunciação. “O foco das gestões do PT, e em particular de Moema, é no social. Só que isso teve tanto êxito que ela foi reconduzida ao cargo após ter sido prefeita e exercer mandato de deputada federal. Óbvio que nós estamos em um período nos municípios com dificuldades financeiras depois da crise gerada pelo golpe de Michel Temer contra o governo Dilma e agora com a política do governo Bolsonaro em retaliação contra as políticas públicas de investimento no Nordeste. Mas, ainda assim, mesmo com as dificuldades, Moema vem administrando esse momento”, continua.

Everaldo também alfinetou Teobaldo. “Penso que isso que ele faz crítica, nós respeitamos. Ele é um empresário que tem experiência de cuidar das coisas dele. Nós temos a experiência de cuidar das coisas do povo. É diferente o olhar. Porque os empresários trazem esse olhar de sucesso, mas eles estão acostumados a cuidar das coisas deles para obter lucros para eles e aumentar o patrimônio deles. A política pública do PT é tomar conta do dinheiro do povo para aplicar para o povo. Alguns índices de avaliação se diferenciam por isso. Uma coisa é administrar para enriquecer e aumentar patrimônio. Outra é ter que administrar para melhorar as condições de vida das pessoas”. Informações são do site Trbn.

Faça seu Comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *